ELIMINATÓRIAS: EQUADOR VENCE VENEZUELA FORA, MANTÉM LIDERANÇA E SEGUE 100%

Equador passa com facilidade pela Venezuela

17/11/2015

O quarto triunfo em quatro jogos levou o Equador aos 12 pontos, no embalo de vitórias sobre seleções como a Argentina e o Uruguai

O Equador segue fazendo vítimas nestas Eliminatórias da Copa do Mundo. Nesta terça-feira, o alvo foi a limitada seleção da Venezuela, derrotada por 3 a 1, em casa, na cidade de Puerto Ordaz. O resultado manteve o time equatoriano como o único com 100% de aproveitamento na competição até agora, na liderança isolada da tabela.

O quarto triunfo em quatro jogos levou o Equador aos 12 pontos, no embalo de vitórias sobre seleções como a Argentina e o Uruguai. Desta vez, a vítima foi a lanterna Venezuela, que segue sem pontuar, estacionada na 10ª e última colocação.

Na noite desta terça, o time venezuelano mostrou por que é a pior seleção das Eliminatórias até agora. Com falhas bizarras na defesa, praticamente entregou os dois primeiros gols do Equador, em apenas 22 minutos de jogo.

No primeiro lance, aos 14, a zaga vacilou na marcação e foi pega de surpresa por lançamento que sobrou para Fidel Martínez. Ele finalizou no canto e abriu o placar. Aos 22, o goleiro Baroja perdeu a bola em lance bobo. Jefferson Montero se aproveitou do erro e tabelou com Bolaños antes de bater para as redes. Antes do intervalo, o Equador marcou o terceiro gol, mas a arbitragem anulou, por impedimento duvidoso.

Na segunda etapa, o time equatoriano precisou se esforçar mais para chegar ao terceiro gol. Em boa jogada, Montero cruzou para Caicedo fazer belo gol de cabeça, aos 14. A Venezuela marcou seu gol de honra aos 38, em cruzamento de Rosales e gol de Josef Martínez.

FICHA TÉCNICA

Venezuela 1 x Equador

4ª rodada

Data: 17/11/2015
Horário: 19h00
Local: Estádio Cachamay - Guayana (Venezuela) 
Árbitro: Gery Vargas (BOL)

Cartões Amarelos
Venezuela: José Velásquez, Rosales, Christian Santos
Equador: Dreer

Gols
Venezuela: Martinez 39' 2T
Equador: Fidel Martínez 14' 1T, Montero 23' 1T, Caicedo 15' 2T


Venezuela

Baroja; 
Rosales, Vizcarrondo, Velásquez e Cichero; 
Rincón, Lucena (Acosta) e Otero; 
Jeffren (Josef Martínez), Christian Santos (Mario Rondón) e Rondón
Técnico: Noel Sanvicente





Equador

Dreer; 
Paredes, Guagua, Erazo e Ayovi; 
Pedro Quiñónez (Castillo), Noboa, Fidel Martínez e Montero (Juan Cazares); 
Bolaños e Caicedo (Jaime Ayovi).
Técnico: Gustavo Quinteros






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...