Força-tarefa contra racismo da Fifa é dissolvida: "missão foi cumprida"

27/09/2016

A Fifa encerrou sua força-tarefa contra o racismo, desenvolvida desde 2013 para tratar questões ligadas à discriminação no futebol. A operação da entidade do futebol foi criada principalmente por conta de preocupação em relação a comportamento preconceituoso em relação à Rússia, que será sede da Copa do Mundo de 2018.

De acordo com o jornal inglês The Guardian, a entidade acredita que o trabalho com relação ao tema já está completo. "O trabalho foi completamente terminado de forma proveitosa  e fica dissolvida a operação", disse comunicado da Fifa a membros da força-tarefa em trecho divulgado pela publicação britânica.

"Eu queria dizer que estou chocado com a decisão, mas infelizmente não estou. O problema do racismo no futebol ainda existe e cresce muito sério e merece atenção. Eu, pessoalmente, acredito que ainda há muito trabalho para a força tarefa fazer. A Copa de 2018 é um dos problemas, mas é evidente que a administração da Fifa pensa diferente", comentou o membro da força-tarefa contra o racismo, Osasu Obayiuwana.

Nesta segunda (26), em Manchester, a secretária-geral da Fifa Fatma Samba Diouf Samoura comentou sobre o assunto indo na mesma linha que a entidade. "O projeto tinha um objetivo específico que foi completado de forma satisfatória", disse.

O projeto foi criado em 2013, por Joseph Blatter, então presidente da Fifa, e foi liderado pelo ex-dirigente da entidade Jeffrey Webb, afastado da Fifa e preso durante o escândalo de corrupção que caiu sobre a entidade do futebol.

Fonte: UOL

Cursos Online na área de Ciências Agrárias e da Terra

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...