De olho na Copa das Confederações, Fifa bota fé em São Petersburgo

Puyol e Colin Smith, diretor de Competições e Eventos da Fifa, na vistoria do estádio 
de São Petersburgo (Foto: AP Photo/Dmitri Lovetsky)

01/03/2017

Diretor de Competições e Eventos sai satisfeito de vistoria em estádio da final

Em visita técnica nesta segunda-feira, o diretor de Competições e Eventos da Fifa, Colin Smith, afirmou estar confiante com a capacidade da Rússia de resolver os problemas técnicos que atrasaram a inauguração do estádio de São Petersburgo, uma das sedes da Copa das Confederações de 2017, de 17 de junho a 2 de julho, e da Copa do Mundo de 2018.

- Há um plano claro, um planejamento técnico dos trabalhos que devem ser efetuados e devem estar acabados nas próximas semanas. Estamos convencidos de que as medidas que foram planejadas deverão resolver a situação - disse Colin Smith, diretor de Competições e Eventos da Fifa, em visita ao lado do ex-jogador espanhol Puyol, embaixador da Fifa.

Estádio de São Petersburgo (Foto: AP Photo/Dmitri Lovetsky)

Após 10 anos de obras, o novo estádio realizou seus primeiros testes em início de fevereiro, ao receber 10 mil torcedores em suas arquibancadas. A capacidade total do estádio é de 68 mil. Além dos jogos da Copa do Mundo, o estádio, batizado de "Arena de São Petersburgo", sediará diversas partidas da Copa das Confederações, inclusive a final do torneio.

Estádio de São Petersburgo (Foto: AP Photo/Dmitri Lovetsky)

A construção começou em 2007, mas os custos previstos no orçamento aumentaram consideravelmente, precisando ser modificados diversas vezes. Em agosto, a empresa responsável pela obra jogou a toalha. A construtora foi substituída por outra, a Metrostroi, que terminou as obras em final de 2016, apesar dos problemas de estabilidade do campo retrátil.

- Ainda temos trabalho a fazer, mas temos a impressão de que estamos no caminho certo. Vamos continuar vigiando a situação e trabalhando juntos para acertar os últimos detalhes - disse Smith.

Estádio de São Petersburgo (Foto: AP Photo/Dmitri Lovetsky)

Em 31 de março, o estádio estará à disposição de seu clube, o Zenit, que jogará três partidas da temporada do futebol russo, a primeira contra o Ural Ecaterimburgo, em 21 de abril.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...