60 mil pessoas acompanham a passagem da Tocha Olímpica em Caxias do Sul



08/07/2016

Caxias do Sul recebeu nesta sexta-feira (08.07) a Tocha Olímpica. A Chama chegou pouco antes das 19h no Monumento Nacional ao Imigrante e percorreu um trajeto de mais de 12 km, na área urbana do Município, em um revezamento entre 62 atletas e pessoas relacionadas ao esporte* até o Parque de Eventos da Festa da Uva. Cerca de 60 mil pessoas acompanharam o evento olímpico, segundo informações da Brigada Militar.

A Chama Olímpica, que veio acompanhada de um comboio de 200 metros, formado por carros e caminhões, saiu do Monumento Nacional ao Imigrante carregada pelo Frei Jaime Bettega em direção à Avenida Júlio de Castilhos até chegar na rua Alfredo Chaves. No pórtico do Centro Administrativo, o Prefeito Alceu Barbosa Velho, a primeira-dama e coordenadora de Comunicação, Alexandra Baldisserotto, o Chefe de Gabinete, Paulo Dahmer, o secretário municipal do Esporte e Lazer, Washington Cerqueira, e demais secretários, recepcionaram a Chama com apresentações alusivas às culturas italiana e gaúcha interpretadas pelo CTG Campo dos Bugres e pelo Grupo Teatral Murialdo.

Do Centro Administrativo, a Chama Olímpica continuou seu percurso pela rua Tronca, passando pela Estação Férrea, até chegar na Avenida Rio Branco, onde em frente à Igreja São Pelegrino, mais um ponto turístico da cidade, o grupo de canto Vozes do Sul saudou a passagem da Chama. De lá, seguiu seu percurso passando por outros pontos turísticos da cidade, como a Praça Dante Alighieri, local em que o Grupo de Dança Folclórica Alemã da Associação Cultural Germânica de Caxias do Sul Alles Gut se apresentava, Catedral Diocesana, Museu Municipal, e o Museu Casa de Pedra, onde estava o Grupo de Filó Felice Personne, até chegar ao Parque de Eventos da Festa da Uva.

Por volta das 21h20min, a Chama chegou aos Pavilhões e foi entregue ao técnico caxiense da Seleção Brasileira de Futebol, Adenor Bachi (Tite), que conduziu a Tocha até o palco principal e acendeu a Pira Olímpica. “Explode a emoção dentro do meu coração. De um guri que nasceu em São Braz, estudou no Ginásio Guarani e Emílio Meyer, jogou no Juventude e no Caxias, treinou as duas equipes e hoje tem muito orgulho de sua terra e sua origem. Minha participação é para incentivar que as crianças que estão aqui tenham uma educação melhor e a gente tenha um Brasil melhor”, disse.

O Prefeito Alceu salientou a importância da cidade receber o maior símbolo da união dos povos. “Antes de mais nada agradeço à organização do evento pelo excelente trabalho. Quando nós, do Comitê Local, recebemos o dever de escolher cinco nomes para conduzir a Tocha e escolhemos o Tite, o Adenor Bachi, não sabíamos que nesse momento ele seria o técnico da Seleção Brasileira. Ficamos muito felizes por isso. Mas, nosso desejo é de que a Tocha signifique paz, amor e solidariedade. Que ela represente nosso grito de amor, de união, e de não à violência. Queremos continuar a criar crianças com respeito e educação para um país mais justo”, destacou.

O secretário municipal do Esporte e Lazer, Washington Stecanela Cerqueira, falou em nome do Comitê Local. “Como ex-atleta, fico muito feliz e emocionado. Caxias se sente muito honrada em receber a Tocha e sempre esteve de braços abertos para esse evento. Aqui o clima é frio, mas o coração dos caxienses é quente. Agradeço por Caxias do Sul receber o símbolo do esporte mundial.  A Tocha também tem função social, porque o esporte é capaz de transformar pessoas, transformar cidadãos.”, frisou.

Em seguida, a Prefeitura de Caxias do Sul, por meio da Secretaria Municipal do Esporte e Lazer (SMEL) promoveu uma homenagem a nomes do esporte local que foram importantes para o desenvolvimento do segmento no Município (lista abaixo).

Durante o evento, no Parque da Festa da Uva ocorreram shows do grupo de pagode Sem Razão, Maral Gurgel e Orquestra Jovem da Fundação Marcopolo no Pavilhão 1, além da Banda Marcial Tradicionalista do Colégio Murialdo de Caxias do Sul, no pórtico de entrada e do Coral Anima D'Italia, em frente da Casa do Vinho Caxiense. 

Após a passagem por Caxias, a Tocha Olímpica que pernoitou na cidade, seguiu na manhã deste sábado (09) para Bento Gonçalves. Ao todo, a Tocha Olímpica vai passar por cerca de 300 cidades durante o revezamento que começou 100 dias antes da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos. 

Compuseram o Comitê Local da Tocha Olímpica, a Prefeitura de Caxias, por meio da SMEL, SMED, Secretaria da Cultura, SMTTM, SSPPS e SEMTUR, SAMAE, Câmara de Vereadores, Festa da Uva, UCS, FSG, SER Caxias, EC Juventude, 4ª CRE, 26º Distrito Escoteiros, Clube Juvenil, Recreio da Juventude, Fundação Marcopolo, SESI, SESC, SEST/SENAT, Clube de Corredores, CMD, CDL, CIC e ARI.

ATIVIDADES ESPORTIVAS: Durante toda a tarde da sexta-feira, diversas atrações ocorreram nos Pavilhões, reunindo mais de 600 pessoas praticando oficinas em 24 modalidades olímpicas. Além disso, ocorreu uma programação montada pelos patrocinadores oficiais do evento que são Nissan, Bradesco e Coca-Cola.

* Conduziram a Tocha Olímpica:

Jaime Bettega
Carlos Carneiro Filho
Daniele Cassol
Luiz Lemos
Alcides Drago
Todd Severson
Matheus Manosso Zanrosso
Guilherme Mari
Renato Gentil
André Luiz de Mello Machado
Rodrigo lima dos santos
Jonathan De Lima
Juliano Werlang
Jucelaine Maciel
Volnei Ribeiro
Natália Fernanda Ban
Vinícius De Freitas Flores
Dezirê Cortese
Tatiana Woodyatt
Rafaelle Furlan
Jaime Andreazza
Roberto Mello Ceresa
Juliana de Oliveira
Maria Dos Reis
Diego Araujo
Gabriel Citton
Carlos Bueno
Pedro Zatti
Mario Thompson
André De Souza Da Silva
Guilherme Almeida De Camargo
Alvaro Koslowski
Rogério Hermeto
Jongoh Kwon
Gustavo dos Santos
Sandra de Sene
Durval Balen
Henrique Garcia Filho
Maria Cristina Rosito
Maurício Santos
Fernando Gil Kreling
Roselaine Silva
Maria Giani
Tiago Frank
Marcelo Repetto
Thiago Lima
Elvis Renato Zanotti
Roseli Trevizan
Jean Labatut
Claudete Motter
Sandro Perussato
Davi Santos
Rodrigo Cardoso
André Flores
Maria Grasselli
Arthur Szterenfeld
Gabriel Rodriguez Garrido
Rosa Albuquerque
Emilia Griboski
Rangel Santos
Lais Bordin
Adenor Bachi (Tite)

Homenageados por suas contribuições ao esporte caxiense:
Adailton Bolzan Martins
Adalton Celso Sambaquy
Adão Luis Ferreira Almeida
Adélia Marlene Franzoi
Ademir de Oliveira Reis
Adilson Fachin
Adriana Cesa Pagnunsati
Adriana Velho Gomes
Alan Willian Biassio Fernandes
Alessandro Pozzer
Alexon Picolin
Aline Cândido Marques
Aline Scotti Sanches
Aloir Oliveira
Álvaro Koslovisk
Amanda de Oliveira
Ana da Silva 
Ana Dulce Casagrande
Anderson Tomé
Anelise Lautert
Ângela Perini
Ângelo Travi Guerra
Anselmo Cará
Antonio Dal Pizzol
Aribaldo Negri
Armando Troian
Arthur Bernardi 
Carlos Alberto Faggion
Carlos Chiappin
Carlos Gabriel Gallina Bonone
Carlos Henrique Iotti
Celso Juarez Roth
César Bagatini 
Césare Augusto Marramarco
Cláudia Regina Bonalume
Daniel Brisoto
Dante Turra Filho
Darmes Labatut
Denise Cemin Dani
Diego Nunes
Diógenes Fogaça
Dionéia Maraschin
Dulce Demoliner
Edmilson Martins Corrêa
Edson Cardoso
Eduardo Boher
Eduardo Fonseca
Eliseu Evangelista
Eloá Loire Fridsch
Emir José Alves da Silva
Ênio Aguiar
Erety Agostinho Medeiros
Evair Pinheiro Ramos
Everaldo Molina
Fernando Gil Kreling
Fernando Lemos
Fernando Lipi
Fernando Luis Brito Kuse
Fernando Rossato
Manoel Silva Ferreira
Flávio Danna
Gabriel Citton
Gelson Scola
Gerard Maurício Martins Fonseca
Getúlio Vazatta
Gilberto Mendes
Gilda Pontalti
Gilmar Dossin
Giovane Brisoto
Gisele Anália Nogueira
Guilherme Dengo
Guilherme Maurina
Guilherme Roth dos Santos
Gustavo Bonato
Gustavo Perazzollo
Helena Natalina Polesso
Idalino Mazochi
Iran José Cercatto
Isabel Spies
Ivan Reisdorfer
Ivan Zeni dos Santos
Ivanete Avelina Zanrozzo
Ivanete Salvador
Ivanir Spiler
Ivanor Reolon
Jaime Frizzo
Jaime Walker
Jair Bastos de Souza
Jari da Rocha
Jeferson Borges
Jimerson Rogério Adamski
João Carlos Mariani
Jocelino dos Santos
Joice Elisa Masina Baungarten
Jonas Joaquim da Rosa
Jônata Pimentel Maia de Oliveira
Jorge Velho
José Adnil Antunes de Vargas
José Carlos Brustolin
José Mario Mondadori
José Trombini 
Jovir Demari
Juliano Brandalise
Juliano de Moraes Viegas
Júlio Cesar Ferronatto
Jussara Maria Marchioro Stumpf
Karine Guerra de Souza Fonseca
Lairton Zandonai
Lais Bordin da Silva
Laís Rossi dos Reis
Lauro Antonio Ferreira da Silva
Lauro da Silva Filho
Lázaro Pereira Velasquez
Leandro Adami Gregoletto
Leda Tavares Marramarco
Leonice Ceconello
Luciano Tcacenco
Luis Felipe de Lima Hath
Luiz Alberto Cidade
Luiz Carlos Alves Paim
Magali Angonese
Maicon Peruzzo
Maira Moschen Villanova
Marcelo Demoliner
Márcia Guerra
Márcia Rohr da Cruz
Márcio Angonese
Marco Antonio Groinsk Cresppo
Marcos Cunha Lima
Marcus Vinícius Fontoura Vaz
Maria Angelina da Rosa
Maria Luiza Bondiorno Bedin
Marilene da Rosa Santos
Marília Lampert Fanton
Marília Marini
Mário de Sá Mourão
Mário Mandelli
Mário Pozzer
Mário Ruaro De Menegui
Mauro Amâncio da Silva
Michel De Carli
Miguel Kuse
Mírian zanandréa
Mirna Sartor
Moroni Lima
Muray Lisot
Neiva Pereira
Nelson Morandi
Nestor Andreola
Nilo Formigueri
Noeslen Lima
Paulo Carvalho
Paulo César Turra
Paulo Roberto Lisboa Triches
Paulo Zacani
Pe. Joacir Delagiustina
Pedro Adão de Moraes Ferreira
Pedro Ernesto Baungarten
Rafael dos Santos
Raul Newcamp Júnior
Renata Adamati
Renata Ramos Goulart
Renato Tomasini
Renato Ubirajara Formoso Pires
Roberto Andreola
Roberto Minuzzi Jr.
Rodrigo Pinto Barbosa
Rodrigo Poletto
Rogério caberlon
Rosmari Ângela Dalla Vecchia
Rudi Vieira
Sabrina Giusto
Sebastião Valdir dos Santos Abreu
Sérgio José Sartor
Sheila Bortagaray
Sidinei Libardi
Silvana Regina Marchioro Fagundes
Tânia Lozano
Tânia Malvina Maineri
Tereza Dossin
Thaís Ferreira Porto
Ubirajara Klamos Maciel
Vanderlan da Silva 
Vanderléia Guerra
Vera Maris Concli
Vilmar Oliveira
Vinícius Costa
Washington Stecanela Cerqueira
Welington Uega
Wilson Assis
Zelfino Nadin
Zilca Montanari


 



Fotos: Ícaro de Campos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...