VITÓRIA SEGURA O EMPATE COM O BAHIA E CONQUISTA O CAMPEONATO BAIANO



07/05/2017

Na decisão do Campeonato Baiano, melhor para o Vitória, que segurou o empate com o Bahia por 0 a 0 no estádio Barradão, no duelo deste domingo, e conquistou o título desta temporada. A vantagem de ser campeão com o empate foi conseguida graças a vantagem de possuir a melhor campanha na primeira fase e empatar a primeira partida, na última quarta-feira, por 1 a 1.

Atuando ao lado de seu torcedor, o Rubro-Negro segurou a pressão do rival durante os 90 minutos e levantou sua 29ª taça do Estadual. De maneira invicta, o Vitória conquista o torneio pelo segundo ano consecutivo e ainda dá o troco no rival, que o eliminou na semifinal da Copa do Nordeste.

O jogo – Precisando da vitória para levantar a taça, o Bahia partiu para o ataque logo nos primeiros momentos da partida. No primeiro lance de perigo do Tricolor, aos sete minutos, Edigar Junio recebeu a bola na entrada da área e chutou forte, a bola passou rente à trave. A resposta do Vitória veio quatro minutos depois, com David arriscando de longe exigindo uma defesa em dois tempos de Jean.

Apesar de já contar com o empate para se sagrar campeão, o Rubro-Negro começou a tomar conta da partida e chegar com perigo ao gol adversário. Aos 22, Paulinho arriscou de longe e exigiu nova intervenção de Jean. Na cobrança de escanteio, Cleiton Xavier cruzou fechado, o goleiro tirou mal e a bola caiu nos pés de Bruno Ramires, que chutou por cima.

A pressão em favor do time da casa seguiu forte. Após um bom lançamento em profundidade para David, o atacante desperdiçou grande chance chutando para fora, aos 29 minutos. Quatro minutos mais tarde, Paulinho limpou o zagueiro dentro da área e acertou o pé da trave da meta adversária.

A equipe visitante voltou a buscar o ataque nos minutos finais do primeiro tempo, mas não conseguiu criar nenhuma chance clara de gol. Esse avanço possibilitou ao Vitória os contra-golpes rápidos. Aos 37 minutos, David novamente saiu cara a cara com Jean, que venceu a disputa de bola salvando o Bahia.

Na segunda etapa, o Bahia se viu obrigado a buscar a vitória que lhe garantiria a conquista do Estadual. Aos sete minutos, Zé Rafael arriscou um chute forte de fora da área, a bola desviou no zagueiro Kanu e passou perto do gol. A resposta do Rubro-Negro veio dois minutos depois, com Paulinho arriscando da entrada da área e exigindo mais uma defesa de Jean.

Na medida em que o tempo passava a pressão do Tricolor ganhava mais intensidade. Aos 20 minutos, Armero fez ótimo cruzamento para Tiago, que cabeceou para fora. Um minuto mais tarde, Zé Rafael limpou o zagueiro dentro da área, porém se atrapalhou na hora de finalizar.

Aos 29, David teve mais uma chance clara para abrir o marcador para o time da casa. Em arrancada na ponta esquerda do ataque, o jogador teve mais uma oportunidade cara a cara com o goleiro Jean. Desta vez, o atleta preferiu rolar a bola para o companheiro melhor colocado, porém a zaga cortou o passe.

O desespero do Bahia nos minutos finais fez o time partir para o ataque buscando um gol salvador. Aos 46, Diego Rosa cortou a marcação, mas chutou fraco.

FICHA TÉCNICA

VITÓRIA x BAHIA

Local: Estádio Manoel Barradas (Barradão), em Salvador (BA)
Data: 07 de maio de 2017, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Marielson Alves Silva (BA)
Assistentes: Elicarlos Franco de Oliveira (BA) e Jucimar dos Santos Dias (BA)
Público: 30.579 pessoas
Renda: R$ 422.561,00
Cartões amarelos: Kanu, André Lima, Bruno Ramires (Vitória), Lucas Fonseca (Bahia) 
Cartão vermelho: Nenhum
Gols: Nenhum

VITÓRIA: Fernando; Patric, Kanu, Alan Costa e Geferson; Farias, Bruno Ramires (René) e Cleiton Xavier; Paulinho (Gabriel Xavier), David e André Lima (Rafaelson).
Técnico: Wesley Carvalho



BAHIA: Jean; Eduardo, Tiago, Lucas Fonseca (Jackson) e Armero; Juninho, Edson, Régis e Allione (Gustavo); Zé Rafael (Diego Rosa) e Edigar Junio
Técnico: Guto Ferreira



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...