Rio 2016: Seleção Brasileira Feminina estreia com goleada sobre China

05/08/2016

Na próxima rodada, as comandadas de Vadão vão ter pela frente a Suécia, no duelo dos líderes

A seleção brasileira feminina começou com o pé direito a caminhada em busca do tão sonhado título dos Jogos Olímpicos. Na tarde desta quarta-feira (3), as comandadas de Vadão confirmaram o favoritismo e venceram a China por 3 a 0 no Estádio Engenhão pela primeira rodada do Grupo E.

Por conta do saldo de gols (2 contra 1), o Brasil está na liderança da chave com os mesmos três pontos que a Suécia, que, também nesta quarta (3) encontrou dificuldades para vencer a África do Sul por 1 a 0 também no Engenhão.

O JOGO

A torcida, que ocupava metade do Engenhão incentivou muito a seleção. Fazia barulho e empurrava as jogadoras para o ataque desde o início. Logo a 1 minuto, a artilheira Cristiane chutou e a goleira chinesa defendeu. A partir daí, o jogo foi só ataque contra defesa. O primeiro escanteio para a China aconteceu aos 37 minutos. Chance de gol da seleção asiática só aos 46 minutos, quando brasileira Fabiana cabeceou para trás, longe da goleira Bárbara. A bola quase entrou.

As chances de gol para o Brasil vinham em sequência, como aconteceu com Beatriz, aos 14, 20 e 28, e Cristiane, aos 15 minutos. Aos 32, uma chinesa impediu o gol em cima da linha. Até que aos 35 minutos, em uma jogada quase de "pelada", a zagueira Mônica, com os pés fincados na grama, sem saltar, cabeceou fraco no canto. A bola passou por um monte de pernas e entrou.

Jogadoras brasileiras comemoram o gol marcado por Mônica, que abriu o placar para a goleada

A cabeçada de Mônica foi a quarta seguida. Na disputa da bola dentro da área, duas brasileiras e uma chinesa cabecearam para o alto. No tumulto, veio o gol, que surpreendeu torcedores e até as jogadoras, tal o aglomerado de gente dentro da área.

MAIS PRESSÃO

No segundo tempo, a pressão continuou. O Brasil desperdiçou bons ataques no início. Criou chances, mas finalizava mal ou, pior, o último passe era ruim. Até que aos 12 minutos a craque Marta fez jogada de linha de fundo pela direita e rolou para a avante Andressa Alves, do Barcelona, que marcou de primeira.

Aos 33 minutos, Vadão substituiu Marta por Debinha. A craque saiu ovacionada pelo público. A seleção ainda conseguiu perder mais gols até o final. Quando o jogo ia para o final, Cristiane acertou cabeçada em cobrança de falta pela esquerda. Mesmo derrotada, a China permaneceu na defesa. Poucas vezes foi à frente. E a torcida foi até o fim gritando "olé".

PRÓXIMOS JOGOS

As duas seleções voltam a campo no próximo sábado (6) pela segunda rodada. O Brasil enfrenta a Suécia às 22h e a China busca a reabilitação contra a África do Sul. Ambos os jogos serão no Engenhão, no Rio de Janeiro.

FICHA TÉCNICA

Brasil 3 x China

Fase: 1ª Fase
Rodada1ª rodada
Data03/08/2016
Horário16h00
LocalEngenhão - Rio de Janeiro (RJ)
ÁrbitroCarol Anne Chenard (Canadá)

Cartões Amarelos
China: Wu Haiyan

Gols
Brasil: Monica 35' 1T, Andressa Alves 13' 2T, Cristiane 44' 2T


Brasil

Bárbara; 
Fabiana (Poliana), Rafaelle, Mônica e Tamires; 
Thaísa (Andressinha), Formiga e Marta (Débora); 
Andressa Alves, Cristiane e Bia
Técnico: Vadão





China

Zhao Lina;
Li Dongna, Wang Shanshan (Ma Xiaoxu), Liu Shanshan e Wu Haiyan;
Zhao Rong, Tan Ruyin, Pang Fengyue, Zhang Rui e Wang Shuang (Gu Yasha); 
Yang Li.
Técnico: Bruno Bini





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...