PROJARI LEVA ARTE, ESPORTE E FOCLORE NA PASSAGEM DA TOCHA OLÍMPICA EM GUAÍBA

Reconhecimento ao PROJARI pela descoberta de talentos
07/07/2016

A passagem da Tocha Olímpica em Guaíba foi um grande momento de homenagens ao PROJARI e de integração da entidade com a comunidade. A programação da tarde de quinta-feira(7 de julho) teve apresentação de cinco oficinas. O evento reuniu autoridades e centenas de pessoas na Praça Gastão leão. O PROJARI recebeu homenagem e reconhecimento pela dedicação na área do esporte e de modalidades olímpicas e pela incessante descoberta de talentos.

Receberam menção honrosa o karateca Airton Martinicorena, instrutor das oficinas de karate e as lutadoras de taekwondo Vitória Lima e Talita Fagundes. A razão para esses destaques é a projeção que fizeram da comunidade guaibense no estado, no país e no mundo. Houve destaque especial para o Mestre Jonas Paiva, um dos protagonistas da introdução das artes marciais em Guaíba e responsável pelo desenvolvimento e qualidade dessas modalidades esportivas. Somente no taekwondo são mais de 250 participantes desse esporte no município. A Ir. Nilva Dal Bello subiu ao palco na Praça Gastão Leão para receber, sob os aplausos do público, a menção honrosa e agradecimento da comunidade pela ação do PROJARI.

A parceria  PROJARI e Academia Nova Geração cresce a cada ano em ambientes já consagrados e em novos espaços que recebem crianças e adolescentes para abrigo e atividades socioeducativas. A ação cooperativa permitiu a formação de professores e monitores e a qualificação de 20 atletas faixas pretas por ano.

Os participantes do PROJARI brilharam e encantaram o público com apresentações de várias oficinas. O Movimentu's Dancing(Vila São Jorge), com a professora Rosaura Alvarez, saudou o Brasil com as cores da bandeira e o requebrado do samba. O ballet infantil, com o grupo do instrutor Maicon Macedo, encheu o espaço de graça e leveza. A Ginástica Rítmica, da professora Ana Pinto, apresentou a modalidade olímpica que está descobrindo talentos no PROJARI. A capoeira do Mestre Trovão levou para a praça a agilidade do esporte e  da expressão artística autêntica do povo negro. O Hip Hop da instrutora Roselaine Alvez, encheu a praça de movimento e beleza. E, os Tropeiros de São José, com a Professora Márcia Benites, fizeram o povo vibrar com a dança folclórica do pampa.

Segundo a Ir. Nilva Dal Bello, quando a história do PROJARI começou, em 1987, um sonho foi feito realidade. "Essa expressão artística e esportiva mostra que o PROJARI não é apenas uma instituição, mas um escola de vida que promove a educação integral, o desenvolvimento humano e a plena cidadania". Que show! Vocês são maravilhosos! A família PROJARI está feliz!, disse Ir. Nilva ao final das apresentações e homenagens. 

Airton recebe homenagem

Atletas reconhecidos pela cidade

Movimentu's Dancing no palco 

Fonte: PROJARI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...