EM JOGO ANIMADO, ALEMANHA VENCE A AUSTRÁLIA PELA COPA DAS CONFEDERAÇÕES

Alemanha consegue a vitória na estreia da Copa das Confederações (Foto: FRANCK FIFE/AFP PHOTO)

19/06/2017 

A seleção alemã finalmente estreou na Copa das Confederações. Em sua primeira partida, os alemães acabaram derrotando a Austrália nesta segunda-feira, pelo placar de 3 a 2, no estádio Fisht, em Sochi. Os gols alemães foram marcados por Stindl, Draxler de pênalti e Gortezka, enquanto Rogic e Juric anotaram para a Austrália.

Com o resultado, os alemães assumem a segunda colocação no Grupo B da competição, com a mesma pontuação do Chile, porém com um saldo de gols inferior, já que os sul-americanos venceram a seleção de Camarões por 2 a 0 no último domingo.

Na próxima quinta-feira, a Alemanha pode liderar o grupo, pois tem um confronto direto contra os chilenos, às 15h (de Brasília). Já a Austrália enfrenta Camarões, às 12h da mesma data para seguir viva na disputa por uma vaga à semifinal do torneio.

O jogo – A seleção alemã tomou conta do jogo logo nos minutos iniciais. Dominando o meio de campo e com belos passes, os europeus não demoraram para abrir o placar. Aos quatro minutos, a Alemanha fez bela jogada na ponta direita com Julian Brandt que encontrou Stindl sozinho na entrada da área para abrir o placar.

O gol não diminuiu o ritmo alemão, que parecia buscar uma goleada. Se aproveitando de uma tarde inspirada de Julian Brandt, a equipe buscava muito o jogo pelo lado direito do ataque. Aos 21 minutos, o jovem atacante do Bayer Leverkusen fez bela jogada individual e exigiu grande defesa do goleiro australiano.

A  Austrália, até então praticamente nula na partida, consegue sua primeira chance aos 36 minutos, quando Sainsbury saiu cara a cara com Leno após cobrança de falta, porém o defensor acaba errando a cabeçada.

A oportunidade clara animou os jogadores e torcedores australianos, que era a maioria no estádio Fisht. Aos 41 minutos, Draxler acaba errando um passe na intermediária e deixou a defesa alemã exposta. Rogic, aproveitou o vacilo para arriscar, a bola acaba rebatendo na zaga e voltando denovo para o meia que não desperdiça e empata a partida.

Um minuto depois, veio o balde de água fria sobre os amarelos. Após boa jogada na entrada da área, Goretzka é derrubado dentro da área e o árbitro assinala o pênalti para a seleção europeia. Draxler foi o responsável pela cobrança e deu novamente a vantagem para a Alemanha.

Logo no terceiro minuto da segunda etapa, a Alemanha consegue o terceiro gol. Gortezka recebeu lindo lançamento dentro da área e acertou um chute forte, sem chances para o arqueiro alemão.

A resposta australiana não demorou para chegar. Após um chute de fora de Rogic, o goleiro Leno acabou dando rebote para Juric, que apenas teve o trabalho de empurrar para dentro do gol e diminuir a vantagem adversária aos 10 minutos. Os alemão pediram a análise do lance pelo trio de arbitragem de vídeo, que acabaram confirmando o tento australiano.

Após o início de segundo tempo recheado de gol, o jogo diminui um pouco o ritmo, mas as equipes ainda chegam com qualidade. Aos 28 minutos, Werner fez bela jogada individual e arriscou um chute rasteiro, que acaba desviando na trave.

A Austrália ainda tentou buscar o empate, porém a grande quantidade de erros ofensivos e o bom sistema defensivo dos atuais campeões do mundo impossibilitaram que os amarelos buscam pelo menos um ponto na tabela.

FICHA TÉCNICA
AUSTRÁLIA X ALEMANHA

Local:
Estádio Fisht, em Sochi (Rússia)
Data: 19 de junho de 2017 (Segunda-feira)
Horário: 12h(de Brasília)
Árbitro: Mark Geiger (Estados Unidos)
Assistentes: Joe Fletcher (Canadá) e C.J. Morgante (Estados Unidos)
Público: 28.605 pessoas
Cartões Amarelos: Goretzka (Alemanha); Sainsbury (Austrália)
Cartões Vermelhos: Nenhum
Gols: Alemanha: Lars Stindl, aos 4, Draxler (pênalti) aos 44 minutos do primeiro tempo e Goretzka aos 3 do segundo tempo;
Austrália: Rogic, aos 41 minutos do primeiro tempo e Julic aos 10 minutos do segundo tempo

AUSTRÁLIA: Maty Ryan, Milos Degenek, Bailey Wright,Aziz Behich e Trent Sainsbury; Aaron Mooy, Mark Milligan, Massimo Luongo (Kruse) e Tommy Rogic (Troisi); Mathew Leckie e Juric (Tim Cahill)
Técnico: Ange Postecoglou

ALEMANHA: Bernd Leno; Jonas Hector, Shkodran Mustafi, Antonio Ruediger e Joshua Kimmich; , Julian Draxler, Leon Goretzka, Sebastian Rudy e Lars Stindl (Emre Can); Julian Brandt (Werner) e Sandro Wagner (Süle)
Técnico: Joachim Löw

Cursos Online na área de Ciências Biológicas e da Saúde

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...