Em inspeção, Fifa desaprova estádio da final da Copa das Confederações

Arena Zenit não passou no teste de absorção de impacto do gramado (Foto: Reuters)

04/11/2016

Imprensa russa diz que Arena Zenit, que já custou R$ 2 bilhões, não passou no teste por causa da vibração do gramado. Local receberá sete partidas da Copa do Mundo

Representantes da Fifa realizaram, nesta quinta-feira, uma inspeção nas obras da Arena Zenit, que vai receber a final da Copa das Confederações 2017 e sete jogos da Copa do Mundo de 2018. O estádio foi reprovado pelo comitê de avaliação no momento do teste de absorção de impacto do gramado. De acordo com a imprensa russa, depois de uma sequência de pulos, um dos inspetores reparou que o chão da arena estava vibrando demais.

A Fifa ainda não se pronunciou oficialmente sobre o assunto. Participaram da inspeção o diretor de organização de competições da Fifa, Colin Smith; o chefe do departamento de preparação de Copas do Mundo, Chrsitian Unger; e representantes do comitê de organização russo.

A Arena Zenit tem sido pivô de polêmicas desde o início de sua construção, em 2007. Houve troca de empreiteiras, e um funcionário morreu este ano ao cair no vão de um dos elevadores. Além disso, o valor inflacionado das obras levanta uma porção de questionamentos: o estádio já custou 39,2 bilhões de rublos (€ 562 milhões e R$ 2 bilhões na cotação atual) aos cofres.

O prazo para conclusão da construção era outubro deste ano. Localizado na ilha de Krestovsky, na grande São Petersburgo, o estádio terá um teto retrátil que se fecha em 15 minutos - a temperatura interna será de 15ºC quando houver necessidade. A capacidade será de aproximadamente 68 mil torcedores.


Cursos Online na área de Ciências Agrárias e da Terra

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...