Na lanterna das eliminatórias, técnico da China pede demissão

Gao Hongbo não é mais o técnico da seleção chinesa
GETTY

12/10/2016

O técnico da seleção chinesa, Gao Hongbo, se demitiu do cargo depois da derrota para o Uzbequistão por 2 a 0 nas eliminatórias asiáticas da Copa do Mundo de 2018. A seleção tem apenas um ponto somado após quatro partidas pela terceira fase e está na lanterna do grupo A.

Na entrevista coletiva após a partida, Gao, que assumiu o comando de forma interina em fevereiro e foi efetivado em abril, anunciou que deixa uma equipe praticamente já sem opções de conseguir a classificação ao Mundial, algo que a China não consegue desde 2002.

"Penso que é momento de dar um passo para trás", afirmou. "Eu gostaria de agradecer aos jogadores e aos torcedores por terem me apoiado."

Atualmente, o Irã lidera a chave com dez pontos, um a mais do que o Uzbequistão. Coreia do Sul (sete), Síria (quatro) e Catar (três) aparecem na sequência.

A terceira etapa das eliminatórias asiáticas é composta por dez seleções divididas em dois grupos de cinco integrantes cada. Todas as equipes se enfrentam duas vezes, e os dois primeiros de cada chave se garantem na Copa do Mundo de 2018. Os terceiros colocados irão se enfrentar, sendo que o ganhador disputará a repescagem contra um membro da Concacaf.

Fonte: ESPN

Cursos Online na área de Ciências Exatas e Tecnologia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...