ELIMINATÓRIAS: Equador marca nos instantes finais e empata com a Bolívia em La Paz

Bolivianos e equatorianos fizeram uma partida disputada (Foto: Aizar Raldes/AFP)

11/10/2016

Bolívia e Equador fizeram um jogo disputado, nesta terça-feira, em La Paz, pela décima rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018. Os bolivianos abriram 2 a 0, mas viram os equatorianos reagirem e chegarem ao empate com um gols aos 44 minutos do segundo tempo. Pablo Escobar fez os gols do time da casa enquanto Enner Valencia marcou para os visitantes.

Os donos da casa começaram jogando com intensidade e logo saíram na frente, em um belo gol de Pablo Escobar. Os visitantes ensaiaram uma pressão ainda no primeiro tempo, porém tomaram o segundo gol nos minutos finais do primeiro tempo. Enner Valencia diminuiu o prejuízo no início da etapa final e igualou o marcador no apagar das luzes.

Com o resultado, ambas as equipes perderam a oportunidade de subir na tabela. A Bolívia chegou a oito pontos e permaneceu na nona posição, a vice-lanterna da chave. O Equador, por sua vez, foi a 17 pontos e segue em terceiro. Na próxima rodada, os bolivianos visitam a Venezuela enquanto os equatorianos pegam o Uruguai, fora de casa.

O jogo – A Bolívia começou pressionando o Equador e logo no primeiro minuto teve duas chances para abrir o placar. Ramallo chutou de dentro da área e Dreer defendeu. No rebote, o goleiro equatoriano pegou a conclusão de Veizaga. Aos quatro minutos, Pablo Escobar colocou os bolivianos na frente. O veterano atacante recebeu na intermediária, girou e acertou um belo chute no ângulo.

O gol sofrido no início tranquilizou a Bolívia e obrigou o Equador a tomar a iniciativa em busca do empate. O jogo seguiu movimentado, porém sem oportunidades de perigo. A partir dos 30 minutos, as duas equipes cansaram e diminuíram o ritmo. Aos 42, os bolivianos aproveitaram um contra-ataque e ampliaram. Marcelo Moreno avançou em velocidade e serviu Escobar, que passou pela defesa equatoriana e finalizou sem chances para Dreer.

Em desvantagem no placar, o Equador voltou com outra postura no segundo tempo e conseguiu diminuir a diferença logo com dois minutos de bola rolando. Enner Valencia recebeu cruzamento de Antonio Valencia e finalizou de primeira para o fundo das redes. O gol animou os equatorianos, que partiram para cima em busca do empate. Aos 21, Antonio Valencia cruzou da direita e Enner Valencia cabeceou, mas a bola saiu mascada e ficou fácil para Lampe.

Com o Equador saindo mais para o ataque, o jogo ganhou em emoção e as duas equipes tiveram oportunidades. Aos 27, Arce arriscou de fora da área e Dreer fez grande defesa. Na sequência, Enner Valencia subiu sozinho na segunda trave, mas cabeceou para fora. Aos 30, Escobar serviu Marcelo Moreno, que chutou na saída de Dreer, porém o arqueiro equatoriano fez a defesa.

A situação ficou complicada para o Equador na marca de 34 minutos, quando Luis Caicedo foi advertido com o segundo cartão amarelo e teve de ser expulso da partida. Apesar disso, os equatorianos se superaram e chegaram ao empate aos 44 minutos, novamente com Enner Valencia, aproveitando falha da defesa adversária e balançando as redes de Lampe.

FICHA TÉCNICA:

BOLÍVIA 2 X 2 EQUADOR

Local: Estádio Hernando Siles, em La Paz (Bolívia)
Data: 11 de outubro de 2016, terça-feira
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Mario Díaz de Vivar (Paraguai)
Assistentes: Juan Zorrilla e Milciades Saldivar (ambos do Paraguai)
Cartões amarelos: Rodrigo Ramallo, Marcelo Moreno (Bolívia); Arturo Mina, Luis Caicedo, Enner Valencia (Equador)
Cartão vermelho: Luis Caicedo (Equador)

GOLS
BOLÍVIA: Pablo Escobar, aos 4 min e aos 42 min do 1T
EQUADOR: Enner Valencia, aos 2 min e aos 44 min do 2T

BOLÍVIA: Lampe; Saavedra, Raldes, Zenteno e Marvin Bejarano (Walter Flores); Veizaga, Jorge Flores, Pablo Escobar (Edemir Rodríguez) e Juan Carlos Arce; Rodrigo Ramallo (Yasmani Duk) e Marcelo Moreno
Técnico: Guillermo Hoyos



EQUADOR: Dreer; Paredes (Ángel Mena), Arturo Mina, Luis Caicedo e Christian Ramírez; Orejuela (Oyola), Noboa (Achilier), Antonio Valencia e Ibarra; Fidel Martínez e Enner Valencia
Técnico: Gustavo Quinteros




Cursos Online na área de Ciências Humanas e Sociais

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...