Eliminatórias: Bolívia faz valer mando de campo e aproveita altitude para vencer o Peru

O experiente Pablo Escobar, de 38 anos, abriu a contagem para os bolivianos 
(Foto: Aizar Raldes/AFP)

01/09/2016

Forte dentro de casa, a Bolívia fez valer o mando de campo e aproveitou a altitude de La Paz para conquistar mais uma vitória nas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018. Nesta quinta-feira, os bolivianos receberam o Peru e venceram por 2 a 0, com gols de Pablo Escobar e Ronald Raldés.

Com o resultado, a Bolívia chegou a seis pontos e assumiu a oitava posição da tabela de classificação, ultrapassando justamente o Peru, que estacionou nos quatro pontos. As duas equipes voltam a campo na próxima terça-feira. Às 20h30 (de Brasília), o a Bolívia visita o Chile. Mais tarde, às 23h15 (de Brasília), o Peru recebe o Equador.

O jogo – A partida começou morna, com as duas equipes se preocupando mais em defender do que em atacar. A primeira chance de perigo aconteceu apenas aos 27 minutos. Após boa trama ofensiva pela direita, a bola foi cruzada para a área e Ruidíaz cabeceou com estilo, mas Quiñonez defendeu. Na sequência, foi a vez de Cueva obrigar o goleiro boliviano a trabalhar, depois de contra-ataque rápido puxado por Ávila.

A Bolívia respondeu e assustou a meta defendida por Gallese. Aos 31, Marcelo Moreno arriscou de longe e quase surpreendeu o goleiro peruano. Em seguida, a zaga do Peru saiu jogando errado e Arce deixou Pablo Escobar na cara do gol, mas o atacante desperdiçou. Aos 35, Arce avançou pela esquerda e cruzou rasteiro para a área. Diego Wayar apareceu na área, mas foi bloqueado no momento da finalização.

A insistência da Bolívia deu resultado na marca de 37 minutos. Pablo Escobar cobrou falta pela direita, próxima à quina da grande área, a barreira abriu e atrapalhou o goleiro Gallese, que até chegou a tocar na bola, mas não o suficiente para afastá-la do gol. Os bolivianos não relaxaram com o gol e quase ampliaram aos 44 minutos. Após tabelar com Escobar pela direita, Arce cruzou para a área e Wayar chegou batendo de primeira, mas mandou por cima.

Buscando reverter a desvantagem, o Peru foi para cima no início do segundo tempo. Gareca colocou Guerrero em campo e o atacante já levou perigo aos dois minutos, em seu primeiro lance, aproveitando cruzamento da esquerda e finalizando perto da trave. Aos cinco minutos, Ruidíaz obrigou Quiñonez a fazer grande defesa em chute à queima roupa, mas o árbitro já parava a jogada marcando o impedimento.

A Bolívia respondeu na marca de 21 minutos. Saavedra, que entrou no lugar de Pablo Escobar, avançou pela direita, driblou dois marcadores e buscou o ângulo esquerdo. A bola passou perto e assustou os peruanos. Em seguida, o mesmo Saavedra levou perigo, após pegar rebote de finalização de Marcelo Moreno. Gallese defendeu.

Atrás no placar, o Peru seguiu em busca do empate. Aos 28 minutos, Ruidíaz cruzou da esquerda e Guerrero pegou de primeira pelo meio. Quiñonez defendeu com firmeza. Aos 32, Édison Flores arriscou de fora e o goleiro boliviano fez mais uma defesa. A Bolívia se fechou na marcação e ainda chegou ao segundo gol. Aos 42 minutos, Raldés subiu alto em cobrança de escanteio e testou forte no contrapé de Gallese para fechar o placar.

FICHA TÉCNICA:

BOLÍVIA 2 X 0 PERU

Local: Estádio Hernando Siles, em La Paz (Bolívia)
Data: 1º de setembro de 2016, quinta-feira
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: José Argote (Venezuela)
Cartões amarelos: Wálter Flores e Azogue (Bolívia); Christian Ramos (Peru)

GOLS

BOLÍVIA: Pablo Escobar, aos 37 min do 1T; Ronald Raldés, aos 42 min do 2T

BOLÍVIA: Romel Quiñonez; Edemir Rodríguez, Ronald Raldés, Zenteno e Mervin Bejarano; Walter Flores, Azogue, Jhasmani Campos (Diego Wayar); Juan Arce (Nelson Cabrera) e Pablo Escobar (Saavedra); Marcelo Moreno
Técnico: Guillermo Hoyos





PERU: Pedro Gallese, Aldo Corzo, Christian Ramos, Luis Abram e Trauco; Pedro Aquino, César Ortiz (Joel Sánchez) e Andy Polo (Paolo Guerrero); Ruidíaz, Christian Cueva e Irven Ávila (Édison Flores)
Técnico: Ricardo Gareca


Cursos Online na área de Ciências Exatas e Tecnologia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...