Brasil fica no zero com a África do Sul, mas garante liderança do Grupo E

Brasil parou na barreira defensiva da África do Sul e ficou só no empate 
Foto: Raphael Alves/AFP
11/08/2016

A Seleção Brasileira de futebol feminino teve seu primeiro empate nas Olimpíadas. Com um time misto por já ter garantido a classificação, o Brasil parou na barreira defensiva imposta pela África do Sul, na Arena da Amazônia, e ficou no 0 a 0, no último jogo válido pelo Grupo E do torneio.

Mesmo com o resultado, a Seleção Brasileira garantiu o primeiro lugar do Grupo E das Olimpíadas, com sete pontos na tabela.

Com isso, o Brasil terá como adversário nas quartas de final a Austrália, em jogo a ser realizado na próxima sexta-feira, às 22h (de Brasília), no Mineirão.

O jogo – Mesmo com o time misto, o Brasil começou a partida tomando conta das ações ofensivas. No entanto, a primeira chance clara de gol foi da África do Sul. Aos oito minutos, Malherbe deu bom lançamento para Kgatlana, que ficou cara a cara com a goleira Aline e finalizou. A arqueira brasileira, no entanto, se posicionou bem e fez a defesa.

A Seleção Brasileira respondeu na mesma moeda, aos 14. Raquel recebeu lançamento em profundidade e ficou cara a cara com a goleira Barker. A meia tentou o drible, mas a arqueira sul-africana se recuperou e conseguiu fazer o desarme.

O Brasil dominou praticamente todo o restante da primeira etapa. Porém, a melhor chance aconteceu aos 38 minutos. Debinha carregou a bola pela direita, bateu da entrada da área e carimbou a trave direita de Barker. Apesar da grande oportunidade, o gol brasileiro não saiu e a partida foi para o intervalo em 0 a 0.

A Seleção Brasileira seguiu muito melhor na segunda etapa. Porém, pecava nas finalizações, mandando muitas delas longe do gol. Com isso, a primeira boa chance foi novamente das sul-africanas. Aos 25 minutos, Kgatlana chutou procurando o ângulo e obrigou a goleira Aline a se esticar para defender.

O Brasil respondeu logo em seguida. Marta cobrou escanteio para a área, aos 31, e Érika apareceu para cabecear com perigo para fora.

A chance de ouro, no entanto, veio aos 37. Fabiana recebeu lançamento na grande área completamente livre de marcação e chutou de primeira. A finalização, no entanto, foi em cima da goleira Barker, que defendeu.

Ainda deu tempo para uma última chance. Aos 43, Raquel recebeu nas costas da marcação e tentou tocar por cima de Barker. A goleira, no entanto, deu um tapinha, e garantiu o empate em 0 a 0

FICHA TÉCNICA

ÁFRICA DO SUL 0 x 0 BRASIL

Local: Arena da Amazônia, em Manaus (AM)
Data: 09 de agosto de 2016, terça-feira.
Horário: 22h00 (horário de Brasília).
Árbitro: Stephanie Frappart
Assistentes: Manuela Nicolosi e Yolanda Parga
Cartões amarelos: Vilakazi (África do Sul); Bruna e Andressinha (Brasil)
GOLS: Nenhum

ÁFRICA DO SUL: Barker; Vilakazi, Matlou e Van Wyk; Smeda, Makhabane, Malherde e Jane; Seoposenwe, Motlhalo, Thembi Kgatlana (Dlamini)
Técnica: Vera Pauw

BRASIL: Aline; Poliana, Bruna, Monica e Tamires (Marta); Érika, Thaisa (Fabiana), Andressinha e Raquel; Andressa Alves e Débora
Técnico: Vadão.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...