COPA AMÉRICA: Em 100º jogo de Messi, Argentina derrota Jamaica e garante 1º lugar em seu grupo

Higuain marcou o único gol da partida - Crédito: Divulgação/FI 

20/06/2015

E o que se viu foi um massacre de volume de jogo dos argentinos no primeiro tempo

A Argentina entrou em campo para cumprir a sua obrigação e vencer a Jamaica no duelo que encerrou o Grupo B da Copa América, em Viña del Mar, no Chile. Além disso, a equipe comemorava o centésimo jogo de seu maior jogador na atualidade, Lionel Messi.

E o que se viu foi um massacre de volume de jogo dos argentinos no primeiro tempo, que quase virou um pesadelo no fim da partida, não fosse a falta de experiência dos jamaicanos. A seleção argentina venceu o duelo por um magro 1 a 0, gol de Higuaín, garantiu a primeira colocação da sua chave e aguarda pela definição de seu adversário,o segundo melhor terceiro colocado, após a conclusão do grupo do Brasil neste domingo. Os argentinos entram em campo pelas quartas em Viña del Mar, na próxima sexta-feira.

Com este resultado da Argentina, o Paraguai garantiu o segundo lugar do Grupo B e agora enfrenta o primeiro colocado do grupo do Brasil, no sábado, em Concepción. O Uruguai, classificado como um dos terceiros colocados, espera a definição do Grupo C para saber se enfrenta Chile ou Argentina.

O JOGO

Com o par de chuteiras contendo um detalhe em referência a seu 100º jogo pela Argentina, Messi foi o maestro de sua equipe no gramado na maior parte da partida. Nos primeiros 5 minutos do confronto, Higuaín, que substituiu Aguero e fazia seu 50º jogo, perdeu cinco oportunidades claras de gol. Aos 10, o atacante do Napoli mostrou sua habilidade ao receber de Di María e, contando com a inocência da zaga jamaicana, abriu o marcador da partida.

Após a vantagem, a Argentina dominava ainda mais as ações do duelo e perdia várias chances de gol. Numa delas, aos 38, Di María partiu em velocidade com muito espaço, pela esquerda, e invadiu a área. Em vez de tocar para Messi, livre no meio, o jogador do Manchester United tocou por cima do goleiro Miller, mas a defesa conseguiu evitar o segundo gol da Argentina.

Na volta do intervalo, o roteiro foi o mesmo, mas a falta de precisão dos argentinos aumentou. A Argentina cansava de dominar as ações ofensivas e pressionar a Jamaica em seu próprio campo. Aos 11, em jogada de Di María e Higuaín, a defesa jamaicana afastou mal e Messi, de cobertura, quase ampliou. O goleiro Miller salvou mais uma vez a Jamaica.

Os argentinos cravavam 76% de posse de bola na etapa complementar, mostrando o domínio absoluto da partida. Mas como o gol não saiu com todo este domínio, a Jamaica chegou a ameaçar a meta adversária com algumas jogadas individuais. Os atuais vice-campeões do mundo quase cederam o empate no final, mas a vitória foi confirmada. A falta de habilidade do ataque caribenho ainda é o maior empecilho para a evolução da equipe no cenário mundial.

FICHA TÉCNICA

ARGENTINA 1 x 0 JAMAICA

Data: 20/06/2015
Horário: 18h30
Local: Estádio Sausalito - Viña del Mar (Chile) ()
Árbitro: Julio Bascuñán (Fifa/Chile).

Gols
Argentina: Higuaín 12' 1T


Argentina

Romero; 
Zabaleta, Demichelis, Garay e Rojo; 
Mascherano, Biglia e Pastore (Pereyra); 
Messi, Di María (Lamela) e Higuaín (Tevez).
Técnico: Gerardo Martino.






Jamaica

Dwayne Miller; 
Michael Hector (Taylor), Morgan, Mariappa e Kemar Lawrence; 
Rudy Austin, McAnuff, McCleary e Lance Laing (Dawkins); 
Je-Vaughn Watson e Deshorn Brown (Barnes).
Técnico: Winfried Schäfer.








Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...