Copa Libertadores: Força caseira ou "eu acredito"? Inter e Atlético-MG decidem vaga às quartas

Inter e Galo decidem vaga às quartas (Infoesporte)

13/05/2015

Válida pelas oitavas de final da Libertadores, partida começa às 22h no Beira-Rio com vantagem aos colorados, que podem empatar em até 1 a 1; Galo se apoia na mística

É mais do que um jogo. Mais do que uma decisão de vaga. Mais do que um duelo de oitavas de final da Libertadores. O confronto entre Inter e Atlético-MG, a partir das 22h (de Brasília) desta quarta-feira, no Beira-Rio, coloca à prova dois gigantes do futebol brasileiro e suas histórias, tabus e místicas. O Colorado é todo confiança em sua força caseira enquanto o Galo se agarra aos cânticos milagrosos do "eu acredito".

Como o jogo de ida no Independência acabou empatado em 2 a 2, o Inter se classifica até com igualdade em 1 a 1. O Galo precisa vencer ou empatar a partir do resultado de 3 a 3. Novo empate em 2 a 2 leva a decisão aos pênaltis. Ou seja, em tese, o favoritismo é vermelho. Além disso, o clube gaúcho não perde para o Atlético-MG no Beira-Rio há 29 anos e,em 2015 , desconhece derrotas em seu reduto, que pode receber público recorde. Do outro lado, os mineiros têm a esperança de repetir as viradas inesquecíveis que levaram o clube ao título da Libertadores de 2013. 

Com a vantagem de "iniciar a partida classificado", Diego Aguirre dá robustez à defesa. Alan Costa e Juan formarão a dupla de zaga, com Ernando novamente improvisado na lateral esquerda. D'Alessandro, que começou no banco em Belo Horizonte, reassume a titularidade. Com o capitão, reacende a mística de supremacia sobre Victor, que já levou seis gols dele (todos enquanto defendia o Grêmio). Nilmar se recupera de lesão muscular na coxa direita e ainda é dúvida. Lisandro López deve começar o duelo.

Vai ser preciso acreditar. Com a necessidade de marcar gols, o Atlético-MG perdeu uma de suas principais armas na véspera do confronto. Um problema muscular pode tirar Marcos Rocha do jogo. Com isso, os comandados de Levir Culpi terão de se apegar ao mantra criado pelo torcedor para conseguir a vaga em Porto Alegre. Por outro lado, um reforço inesperado pode entrar em campo no Beira -Rio. Guilherme se recuperou, de forma inesperada, de um problema na coxa esquerda, participou dos últimos treinos da equipe e se colocou à disposição do treinador.

Um trio chileno comandará a partida. Julio Bacuñan será o árbitro, auxiliado por Carlos Astroza e Raul Orellana. O GloboEsporte.com acompanha todos os detalhes do jogo, em Tempo Real, a partir das 20h (de Brasília). A RBS TV e a Globo Minas transmitem a partida para Rio Grande do Sul e Minas Gerais, respectivamente. SporTV passa para todo o Brasil.





Internacional: Aguirre, como de hábito, fez mistério e não confirmou o time. A dúvida está no meio-campo. Nicolás Freitas, Jorge Henrique e Valdívia disputam uma vaga. A provável equipe tem Alisson; William, Alan Costa, Juan e Ernando; Rodrigo Dourado, Aránguiz, Valdívia (Nicolás Freitas ou Jorge Henrique), D'Alessandro e Eduardo Sasha; Lisandro López





Atlético-MG: Levir Culpi ganhou um problema de última hora e deve perder o lateral-direito Marcos Rocha, com uma lesão na panturrilha esquerda. Com isso, o Galo deve entrar em campo com: Victor; Patric, Leonardo Silva, Jemerson e Douglas Santos; Leandro Donizete, Rafael Carioca, Dátolo e Luan; Thiago Ribeiro (Carlos) e Lucas Pratto. Relacionado para a viagem, Guilherme deve ficar como opção no banco de reservas.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...