Valdivia decide, Inter elimina o The Strongest e passa às oitavas em 1º do grupo

Valdivia comemora gol do Inter com Sasha (Crédito: Divulgação/ESPN)

23/04/2015

Mesmo começando em um horário pouco convencional, o duelo derradeiro do grupo 4 da Copa Libertadores entre Internacional e The Strongest-BOL viu um Beira-Rio lotado com a torcida colorada. E apesar de não ter sido tranquilo, o Inter fez a alegria dos seus mais de 37 mil fãs presentes.

Com gol de Valdivia, que entrou ainda no primeiro tempo na vaga de Jorge Henrique, o Inter bateu o The Strongest por 1 a 0 nesta quarta-feira. O tento saiu aos 40 minutos da etapa inicial.

Este resultado deu ao Inter a primeira colocação do grupo, com 13 pontos. O time avança para as oitavas de final. O Emelec, que venceu em casa a Universidad de Chile por 2 a 0, foi aos 10 pontos e ficou com a segunda colocação. Já o The Strongest (9 pontos) foi eliminado junto com La U (3 pontos).

Os confrontos das oitavas de final serão definidos ao final da fase de grupos, na noite desta quarta-feira.

O jogo

Mesmo precisando ganhar para não depender de ninguém, o The Strongest basicamente se defendeu no primeiro tempo. A estratégia boliviana era anular os espaços do Internacional, mas as saídas para o ataque foram quase nulas. Aos 18, o Colorado perdeu Jorge Henrique por desconforto muscular. Em seu lugar entrou Valdívia, personagem principal da etapa inicial.

Aos 21, em sua primeira jogada, o garoto escapou pela direita e cruzou para Nilmar, que desviou raspando a trave de Vaca. Oito minutos depois, Valdívia apanhou chute errado de Aránguiz e bateu em cima do goleiro boliviano.

Aos 40, o gol: Sasha escapou pelo lado direito e cruzou para conclusão de primeira do xodó da torcida colorada, que fez 1 a 0. D'Alessandro ainda teve a chance de ampliar aos 44, aproveitando saída errada de Vaca, mas mandou alto demais.

No segundo tempo, o Inter diminuiu o ritmo, mas o The Strongest, mesmo precisando vencer, chegou pouco com perigo. Aos três minutos, Valdívia, com confiança, partiu para cima da marcação e, mesmo sem ângulo, bateu com perigo por cima.

Aos 12, D'Alessandro errou, Chumacero entrou livre e chutou para defesa salvadora de Alisson. O Inter respondeu aos 16, quando Sasha achou Aránguiz na área. O chileno chegou a driblar o goleiro Vaca, mas saiu com bola e tudo.


FICHA TÉCNICA:

INTERNACIONAL 1 x 0 THE STRONGEST

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Data: 22 de abril de 2015, quarta-feira
Horário: 17h30 (de Brasília)
Árbitro: Enrique Cáceres
Assistentes: Milciades Saldívar e Darío Gaona (trio paraguaio)
Renda: R$ 1.589.300,00
Público: 41.009 (37.190 pagantes)
Cartões amarelos: Marteli, Centurión e Veizaga (The Strongest)
GOL: INTERNACIONAL: Valdívia, aos 40 minutos do primeiro tempo


INTERNACIONAL: Alisson; Ernando, Juan, Paulão e Géferson; Rodrigo Dourado, Aránguiz, D'Alessandro, Eduardo Sasha (Alex) e Jorge Henrique (Valdívia); Nilmar (Rafael Moura)
Técnico: Diego Aguirre

THE STRONGEST: Vaca; Torrico, Marteli, Centurión e Cabrera; Castro (Cuesta), Veizaga, Chumacero e Soliz (Melgar); Ramallo e Escobar
Técnico: Juan Carlos Paz García





Fonte: ESPN


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...