Adidas se impõe na Copa América



30/04/2015

Imagem reforçada pelo bom desempenho no Mundial do ano passado, o Chile quase dobrou a receita do patrocínio com fornecedor de material esportivo. Para vencer a concorrência com a atual fornecedora Puma – que se despede da seleção chilena nesta Copa América –, a Adidas e a Under Armour, a Nike vai desembolsar algo em torno de US$ 30 milhões (R$ 90 milhões) nos próximos quatro anos, US$ 12 milhões a mais do que a Puma pagou por período equivalente. Mas o novo acordo fica abaixo dos US$ 25 milhões (R$ 75 milhões) anuais que o contrato com a Nike rende à CBF.

Se na Copa do Mundo 2014, a Nike foi a fornecedora campeã – estampada em dez equipes, à frente de Adidas (nove) e Puma (oito) –, na 44ª Copa América, a multinacional alemã vai dar o troco. A Adidas patrocina quatro das 12 seleções participantes: Argentina, Colômbia, Paraguai, México e Venezuela. A Puma exibe a marca no atual campeão Uruguai e (ainda) no anfitrião Chile. A Nike vai vestir a seleção canarinho e os árbitros. Completam a lista Umbro (Peru), Marathon (Equador), Walon (Bolívia) e Kappa (Jamaica).

Fonte: Lancenet

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...