Sete estádios prontos, torcida ansiosa e sonho do título: Chile respira a Copa América

Foto: Divulgação / CA2015

08/01/2015

Ao site oficial da competição, presidente da ANFP faz balanço positivo da organização e enaltece equipe de Jorge Sampaoli

Presidente da Associação Nacional de Futebol Profissional do Chile (ANFP), Sergio Jadue aguarda ansiosamente o início da Copa América. Acompanha todos os detalhes para que a organização não falhe em nenhum aspecto. Vê bem de perto o avanço das obras dos estádios. E não esconde que sonha que seu país seja campeão do torneio pela primeira vez.

Jadue falou com exclusividade ao site da Copa América. Confira a entrevista:

CA2015 - Como vê o Chile na condição de sede da Copa América?
Sergio Jadue - O Chile é um país que vem mostrando capacidade de organizar eventos desde 1962, quando recebemos a Copa do Mundo. Em 1987, organizamos o Mundial Sub-20. Houve ainda o Mundial Feminino em 2008. Agora, com a Copa América e o Mundial Sub-17 que organizaremos em nossa casa, o Chile se junta ao México e ao Japão como país que mais sediou torneios. É nossa sétima Copa América.

CA2015 - Como vão as obras dos estádios?
Sergio Jadue – Jogaremos em nove estádios. De nove, sete estão terminados. Falta Viña del Mar, que será entregue a três meses da competição, e o de Concepción, que fica pronto um mês antes da abertura.

CA2015 – E quanto à Seleção Chilena?
Sergio Jadue – Nossa seleção teve um bom 2014. Chegamos às oitavas de final da Copa do Mundo pela segunda vez seguida e fizemos também bons amistosos. Tudo isso serviu para preparar de maneira bem forte a equipe para a Copa América.

CA2015 – Por que o Chile fez um bom Mundial?
Sergio Jadue – o Chile ratificou o que vinha fazendo em outros torneios. Temos jogadores importantes nas maiores ligas do mundo. Caímos no grupo do campeão e vice-campeão da Copa de 2010 e eliminamos a Espanha numa partida a qual lembraremos para sempre. E contra o Brasil caímos nos pênaltis. Foi uma partida muito difícil para ambos, que não conseguiram prevalecer em 120 minutos.

CA2015 – Como define o técnico Jorge Sampaoli?
Sergio Jadue – Sampaoli é um grande técnico. Sem dúvida, alguém muito trabalhador. Uma referência do futebol moderno. É um treinador muito exigente.

CA2015 – O Chile é candidato ao título da Copa América?
Sergio Jadue – Por ser o anfitrião e pela seleção que tem, o Chile é um dos favoritos. Mas esta é a primeira vez em que vemos uma Copa América com tantos candidatos. Nós nunca ganhamos o torneio. Seria bom chegar à final com esta ótima equipe e este ótimo treinador que temos.

CA2015 – Qual a expectativa do povo chileno para ver tantos craques do futebol mundial em ação no país?
Sergio Jadue – É um privilégio ter tantas estrelas no Chile. As estrelas do futebol mundial estão na América do Sul. Nosso continente é o coração do futebol, como diz a frase que usamos para descrever esta Copa. Obviamente, ver de perto os melhores jogadores gerou uma efervescência para os torcedores comprarem os ingressos.

CA2015 - O Chile vive um momento único. Com o passar dos anos e a maior experiência de estrelas como Alexis Sánchez, será possível manter este nível?
Sergio Jadue – Estamos fazendo um trabalho qualitativo para que nós, como seleção, possamos seguir tendo talentos, como estamos demonstrando ano após ano. Trouxemos para o Sub-20 Hugo Tocallí, um técnico que foi campeão com a Argentina, para mantermos o nível. 

Fonte: CA2015

Cursos Online na área de Ciências Biológicas e da Saúde

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...