Visa divulga gastos com cartões em estádios e Fan Fest

24/07/2014

Segundo bandeira internacional, torcedores gastaram R$ 29,3 milhões durante o Mundial

As compras pagas com cartões nos estádios e nos espaços intitulados Fifa Fan Fest durante a realização da Copa do Mundo no Brasil movimentaram R$ 29,3 milhões, segundo balanço da bandeira internacional Visa e do Itaú Unibanco. No total, foram feitas 582,3 mil transações financeiras de 12 de junho a 13 de julho nas 12 cidades-sede do mundial.

Brasília respondeu pelo maior volume movimentado, de R$ 4,787 milhões. Em seguida, vieram Rio de Janeiro e São Paulo, ambos com cifras superiores a R$ 4 milhões. Na outra ponta, ficaram as cidades-sede de Cuiabá com R$ 789,4 mil e Manaus com R$ R$ 936,6 mil.

Para Ricardo Fort, vice-presidente global de Patrocínios da Visa o uso do cartão como meio de pagamento nos estádios e Fan Fest é um dos legados da realização da Copa no Brasil. "A aceitação de meios eletrônicos de pagamentos dentro dos estádios é algo ainda novo no Brasil, mas os números confirmam que os fãs aprovaram utilizar seus cartões, uma forma mais segura e conveniente de pagar durante os jogos", diz ele, em nota à imprensa.

Foram emitidos, conforme relatório de Visa e Itaú, 16.978 cartões pré-pagos colecionáveis dentro das arenas, com um volume financeiro de carga de cerca de R$ 1,54 milhão. Os plásticos, que traziam impresso o nome do torcedor e o jogo em questão, podiam ser adquiridos em 26 quiosques instalados nos estádios.

Itaú e Visa também disponibilizaram nas 12 arenas 75 caixas eletrônicos. As máquinas para capturar transações com cartões somavam 3 mil no total e foram instaladas pela Rede (ex-Redecard). "A atuação em eventos como a Copa das Confederações foi importante para consolidar essa estrutura e disponibilizar o pagamento eletrônico a grandes públicos", diz Milton Maluhy Filho, diretor executivo da área de cartões do Itaú Unibanco, em nota.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...