A inovação e os cuidadores da cidade

15/07/2014

Deborah Pilla Villela

O Caminho do Gol de Porto Alegre foi uma grande inovação na Copa do Mundo em nossa cidade. Do Centro Histórico até o estádio Beira-Rio, numa extensão de pouco mais de 3 quilômetros, reuniu o extrato dos esforços de todos os gaúchos em deixar uma percepção positiva ao mundo. Foi como um domingo esperando o Grenal, mas com visitas ilustres. E acontecem mais coisas em nossa cidade, e certamente esse momento de abertura para o mundo é propício para lembrar e reconhecer o trabalho daquelas pessoas a que chamamos de “cuidadores da cidade”, que de alguma forma emprestam o seu tempo para melhorar Porto Alegre em vários aspectos.

É o caso do grupo que criou o primeiro Distrito Criativo de Porto Alegre, entre a rua Félix da Cunha e as avenidas Cristóvão Colombo e Farrapos. É uma nova forma de artistas e empreendedores locais, na chamada economia criativa, se relacionarem, melhorando as suas condições de trabalho, trazendo desenvolvimento àquela região. Um exemplo prático dessa forma inovadora de enxergar a cidade é a iniciativa do “Passeio das Artes”, que acontece aos sábados. Caminhada dirigida, aberta à comunidade, com saída da Igreja São Pedro, visitando galerias de arte, ateliês, antiquários e brechós localizados no bairro. O Distrito Criativo de Porto Alegre também é o Caminho do Gol, ou ainda, o caminho da inovação. Uma zona criativa que está em estudo e discussões para possíveis incentivos por meio da regulamentação da lei de inovação municipal.

E o Distrito Criativo merece esse olhar. Trilhado quase diariamente por empreendedores e a população da cidade, com a valorização do seu trabalho e a parceria na construção de uma cidade inovadora e melhor para todos. Esse é o gol dos “cuidadores da cidade”, feito todos os dias e que merece todo o nosso aplauso, além de uma visita, para a qual convidamos.

Secretária municipal de Inovação e Tecnologia 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...