Colômbia 2 x 1 Costa do Marfim - Em busca de um sonho

Foto: Divulgação

20/06/2014

Em um jogo movimentado, a Colômbia venceu a Costa do Marfim no Mané Garrincha.
    
O jogo válido pela segunda rodada do Grupo C da Copa do Mundo teve como adversários Colômbia e Costa do Marfim. Em um jogo muito movimentado, os colombianos souberam aproveitar os espaços na zaga marfinense e saíram com um bom resultado, a frente da torcida que compareceu no estádio Mané Garrincha.

O JOGO

Foto: Divulgação

O início do jogo foi bom, movimentado, com as duas equipes procurando o gol. De um lado, Yaya Touré comandou a equipe marfinense no primeiro tempo. Em uma jogada individual, o jogador do Manchester City arrancou, deixou três marcadores para trás, com direito a uma jogada entre as pernas de Sanchez, que depois se recuperou e só conseguiu parar o craque com falta.

Mas o primeiro tempo ficou só no quase, apesar das boas investidas ao ataque, e o controle de bola da equipe da Colômbia, que trocava passes na intermediária ofensiva, o goleiro Barry foi bem acionado e evitou os gols. A Costa do Marfim se limitou ao contra-ataque, e os primeiros quarenta e cinco minutos terminaram empatados.

O começo do segundo tempo foi igual ao final do primeiro: boas chances, movimentado e os dois goleiros trabalhando. O melhor jogador da Colômbia foi Cuadrado, em lances individuais. Em um momento de pressão colombiana, o escanteio do lado esquerdo foi o que gerou o primeiro gol da partida. Cuadrado cobrou com maestria e James Rodríguez fez de cabeça, para a felicidade da torcida colombiana em Brasília.

Poucos minutos depois, Serey bobeou no meio de campo, James Rodríguez roubou a bola e deu um belo passe para Quintero, que tinha acabado de entrar na partida, o jogador não perdoou e mandou para as redes, se dando o trabalho de só tirar do goleiro Barry.

A torcida colombiana estava em êxtase no Mané Garrincha, mas três minutos depois, em uma arrancada, Gervinho fez uma linda jogada individual e bateu forte para o gol, a bola ainda tocou no travessão e caiu dentro do gol. Foi o gol para dar esperança aos marfinenses, que passaram até o apito final no campo de ataque, e viram os colombianos recuados, esperando o contra-ataque.

Em um dos contra-ataques, Quintero pega a bola no meio campo, da um pique e mesmo com a marcação em cima, o camisa 20 viu o goleiro Barry adiantado e tentou fazer um gol de cobertura do meio de campo. Mas o arqueiro se esforçou e conseguiu defender.

A Costa do Marfim continuou até o fim do jogo procurando o gol, mas a defesa colombiana não vacilou e saiu com a vitória. Uma vitória importante, já que se o jogo entre Japão x Grécia terminar empatado ou em caso de vitória grega, a Colômbia está classificada para a próxima fase.

TORCIDA COLOMBIANA

O amarelo tão tradicional da camisa brasileira, nesta quinta-feira foi substituído pelo amarelo da seleção colombiana, que literalmente invadiu o centro de Brasília e as imediações do estádio Nacional Mané Garrincha. Até torcedor de bicicleta chegou ao Distrito Federal, segundo nosso correspondente em Brasília, Sérgio Porto.

PRÓXIMOS JOGOS:

Na próxima rodada do Grupo C, a Colômbia enfrenta o Japão, terça feira, na Arena Pantanal, às 16h, horário local. A Costa do Marfim joga em Fortaleza, no gramado do Castelão, contra a Grécia, às 17h, horário local.

FICHA TÉCNICA

COLÔMBIA: Ospina, Armero (Santiago Arias), Zapata, Yepes, Zúñiga; Aguilar (Mejia), Sánchez, James Rodríguez, Cuadrado, Ibarbo (Quintero); Teo Gutierrez.

COSTA DO MARFIM: Barry, Aurier, Bamba, Zokora, Boka; Tioté, Serey Die (Bolly), Yaya Touré; Gervinho, Bony (Drogba) e Gradel (Kalou).

GOLS: James Rodríguez, Quintero (Colômbia), Gervinho (Costa do Marfim)

CARTÃO AMARELO: Zokora (Suspenso), Tioté
ÁRBITRO: Howard WEBB (ENG)
ASSISTENTES: Michael MULLARKEY (ENG), Darren CANN (ENG)
PÚBLICO - 68.748 presentes.
RENDA: Não divulgada
LOCAL: Mané Garrincha, Brasília



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...