Brasil 3 x 1 Croácia - Oscar brilha, Neymar resolve e Brasil estreia com vitória


12/06/2014

O ex-atacante do Santos marcou os dois primeiros gols da Seleção Canarinho

Ele resolve! Se havia alguma dúvida que Neymar seria o grande diferencial da Seleção Brasileira, ela acabou nesta quinta-feira na estreia da Copa do Mundo no Brasil. O craque não foi o melhor jogador da partida – essa condição ficou com Oscar -, mas chamou a responsabilidade, fez “apenas” os dois primeiros gols na vitória, de 3 a 1, sobre a Croácia, na Arena Itaquerão, e foi ovacionado quando substituído por Ramires nos minutos finais do embate.

Começou a Copa do Mundo! O hino nacional que embalou a Seleção Brasileira na conquista da Copa das Confederações voltou a se repetir na abertura da Copa do Mundo, no Itaquerão. Os ânimos dos jogadores estavam à flor da pele. Thiago Silva e Julio Cesar não se conteram e foram às lágrimas. O capitão chega com a responsabilidade de levar o Brasil ao topo do pódio e repetir o que Cafu fez no último Mundial conquistado pelo país pentacampeão. Já o goleiro será um dos jogadores mais pressionados dessa equipe. Foi dele o erro na eliminação para a Holanda em 2010.

Antes do apito inicial, Dilma iria discursar, mas acabou quebrando a tradição que durava há 20 anos. A presidenta não escapou das vaias e o seu lugar foi ocupado por uma homenagem a paz. Três crianças do centro do gramado soltaram três pombas que percorreram o estádio. Quem também apareceu antes da bola rolar foi Kaká. O atacante do Milan aproveitou para desejar boa sorte à Neymar e aos demais jogadores, que foram recepcioná-lo.

E ROLA A BOLA!

Estava aberta a Copa do Mundo. Mesmo em pleno Itaquerão lotado e jogando contra os anfitriões, a Croácia não se abateu e saiu em busca do gol. O primeiro susto brasileiro aconteceu logo aos seis minutos. Perisic fez boa jogada pelo lado direito de campo e cruzou. Olic subiu mais do que Daniel Alves e cabeceou para a linha de fundo. A bola tirou tinta da trave de Julio César.

Foto: Divulgação

Mais consistente na partida, a Cróacia fez o que nenhum brasileiro esperava, abriu o placar. O gol lembrou muito uma jogadas das antigas “peladas” de rua e ficará na história negativa da Seleção Brasileira. Olic cruzou rasteio pelo lado esquerdo, Jelabic desviou e Marcelo jogou contra as próprias redes. Pela primeira vez, o Brasil marcou um gol contra em um Mundial.

Mesmo com o gol, a torcida de São Paulo, que costuma ser muito crítica, apoiou ainda mais a Seleção, que via em Oscar uma maneira de furar o bloqueio croata. O ex-meia do São Paulo era o jogador mais lúcido em campo e foi dele a jogada do empate. Aos 28 minutos, Oscar achou Neymar em boas condições. O craque avançou e chutou rasteiro. No cantinho, sem chances para Pletikosa.

Antes disso, o próprio meia teve uma chance de marcar. Oscar pegou a sobra após lance de Neymar e chutou para grande defesa de Pletikosa. A jogada lembrou muito o gol marcado por Kaká na vitória por 1 a 0 contra a própria Croácia. O arqueiro, porém, vinha fazendo uma bela partida e já tinha defendido um chute perigo de Paulinho.

Aos poucos, o Brasil foi crescendo na partida. A Croácia recuou e apostava nas jogadas de contra-ataque. Os croatas marcavam muito bem e saiam com velocidade. Bem postado a Seleção Brasileira conteve os avanços adversários e teve a chance de virada com Hulk. Neymar invadiu a área, perdeu a bola, que sobrou para o camisa 7. O atacante pegou mal na bola e chutou para fora. Era o final do primeiro tempo.

FECHOU A CONTA!

A expectativa era grande para o segundo tempo. Os torcedores estavam animados com o gol de empate marcado ainda na primeira etapa. A ansiedade, porém, foi batendo com o decorrer do tempo. A Seleção Brasileira abusava dos erros de passes. Por sua vez, a Croácia continuava recuada e mostrava satisfação com o placar em 1 a 1.

Foto: Divulgação

Sem mostrar reação, Felipão se viu obrigado a mexer na equipe. Colocou Hernanes e Bernard. Hulk e Paulinho foram sacados e o panorama mudou. A Seleção ficou mais ofensiva e achou uma penalidade máxima aos 25 minutos. Fred recebeu de Oscar, chamou a falta dentro da pequena área, e ela veio. Lovren puxou e o árbitro assinalou a linha da cal. Na cobrança, os corações de milhares de brasileiros por pouco não saíram pela boca. Neymar bateu, e Pletikosa espalmou para dentro, era o gol da virada.

Mais compacto e embalado com o gol de virada e o Brasil se viu muito perto do terceiro. Oscar, o melhor jogador em campo, cruzou na cabeça de David Luiz. O zagueiro apareceu como elemento surpresa e desviou a bola que por pouco não parou no fundo das redes.

A Croácia resolveu desfazer da retraçar nos minutos finais. A partida ficou aberta e o empate por pouco não aconteceu. Aos 37 minutos, Olic disputou bola com Julio César e a bola ia sobrando livre para o atacante croata. O árbitro, porém, marcou falta no arqueiro brasileiro, que fez grande defesa, em seguida, nos chutes de Modric e Perisic.

Para fechar a partida com chave de ouro, Oscar deixou o seu e garantiu de vez a vitória na estreia. O meia foi avançando aos poucos e de bico, no melhor estilo Romário, surpreendeu o goleiro Pletikosa, que não alcançou a bola.

PRÓXIMOS JOGOS

Na próxima partida, o Brasil enfrenta o México na terça-feira, às 16h, no Estádio do Castelão, em Fortaleza. Já a Croácia tem pela frente a seleção de Camarões na quarta, às 19h, no Arena da Amazônia, em Manaus.

FICHA TÉCNICA

BRASIL 3 x 1 CROÁCIA

BRASIL - Julio Cesar; Daniel Alves, Thiago Silva, David Luiz e Marcelo; Luiz Gustavo, Paulinho (Hernanes) e Oscar; Neymar (Ramires), Hulk (Bernard) e Fred. Técnico: Luiz Felipe Scolari.

CROÁCIA - Pletikosa; Srna, Corluka, Lovren e Vrsaljko; Raktic, Modric e Kovacic (Brozovic); Olic, Perisic e Jelavic (Rebic). Técnico: Niko Kovac.

GOLS - Marcelo (contra), aos 10, e Neymar, aos 28 minutos do primeiro tempo; Neymar (pênalti), aos 25, e Oscar, aos 45 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Neymar e Luiz Gustavo (Brasil); Corluka e Lovren (Croácia).

ÁRBITRO - Yuichi Nishimura (Fifa/Japão).

PÚBLICO - 62.103 pessoas

RENDA - Não disponível.

LOCAL - Estádio Itaquerão, em São Paulo (SP).



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...