Copa 2014: Simulação mostra preparo de equipes de segurança e saúde em caso de acidente com múltiplas vítimas

Equipamentos e servidores da Força Estadual da Saúde participaram do 
treinamento final para Copa - Foto: Camila Domingues.

29/05/2014

O exercício de simulação de resgate de múltiplas vítimas em caso de atentado por produtos químicos e radioativos mostrou que em 80 minutos a Força Estadual de Saúde e o Comando Militar do Sul, com apoio da EPTC e Brigada Militar, conseguiram resgatar 30 pessoas contaminadas. O treinamento foi realizado nessa quarta-feira (28), junto ao Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, e teve por objetivo a preparação das equipes para a defesa, segurança e atendimento de saúde durante a Copa do Mundo da Fifa 2014.

A secretária estadual da Saúde, Sandra Fagundes, acompanhou as atividades de resgate. O Governo do Estado, por meio da pasta da Saúde, investiu R$ 30 milhões na criação da Força Estadual de Saúde e desenvolveu estruturas, equipes e procedimentos que poderão ser utilizados regularmente em caso de incidentes com múltiplas vítimas em qualquer região do Estado. "A sede gaúcha, com certeza, é uma das cidades mais bem preparadas do ponto de vista de saúde e segurança pública para situações de grandes eventos e saúde pública no Brasil", destacou o coordenador de Saúde do Comitê Gestor da Copa (CGCopa), Eduardo Elsade. 


Simulação

Inicialmente, figurantes que representavam a torcida encontravam-se na fila para compra de ingressos para um jogo quando um desconhecido deixa uma mochila preta perto do local. O fato chama a atenção da segurança que logo aciona os órgãos responsáveis. Um dispositivo de dispersão radiológica é acionado remotamente e passa a liberar o agente radioativo, cloreto de Césio 137, de forma combinada com o agente químico Dimetilamina. 

Durante a ação, o local foi isolado rapidamente e ativada a força de contingência. Logo começou o resgate das vítimas, que passaram pela descontaminação, acolhimento e triagem no Posto Médico Avançado da Força Estadual de Saúde. O Samu 192 e a equipe de saúde aeromédica fizeram o transporte das vítimas para os hospitais de referência Mãe de Deus, Pronto Socorro e Cristo Redentor. 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...