Copa 2014: entorno do Beira-Rio terá ação de grafitagem

Sentido Centro-bairro do Túnel da Conceição também receberá grafite
Foto: Cristine Rochol/PMPA

23/05/2014 

Devido a questões climáticas, a ação de grafite "Todos os Povos, Todas as Cores, Nossa Cultura", que neste final de semana começa a colorir o entorno do Beira-Rio, não será mais realizada ao ar livre. O evento, que começa neste sábado, 24, a partir das 10h, ocorrerá na escola de samba Praiana, ao lado do estádio. Após a ação, os painéis grafitados serão colocados ao longo das avenidas Padre Cacique e Edvaldo Pereira Paiva. O evento é de realização da Prefeitura de Porto Alegre, por meio da Secretaria Municipal da Juventude (SMJ), em parceria com a União Estadual dos Estudantes (UEE), com execução do coletivo Urbanóide.

O evento será aberto ao público na tarde de domingo, 25, quando será possível acompanhar o processo de produção e criação dos painéis temáticos. A ação conta com apoio da Secretaria Extraordinária da Copa (Secopa) e da Secretaria Municipal de Gestão (SMGES).

Os grafiteiros paulistas José Wesley Barbosa Alves, o Lelin, Claudinei Fagundes Marques de Oliveira, o Vespa, e Luciano Resende da Costa, o Graphis, juntam-se aos mineiros Carlos Felipe Gonçalves, o Hyper, Edgar Bernardo dos Santos, o Ed Mun, e Fernando Pinto dos Santos, o Fhero, e mais 30 artistas gaúchos. A curadoria será de Lucas Anão Vernieri e Leopoldo Costanzo, produtores culturais de arte urbana com trabalhos no Estado e no Brasil.

Ainda antes da Copa, o antigo trecho do Aeromóvel (em frente à Usina do Gasômetro), o Túnel da Conceição (sentido Centro-bairro) e o Triângulo da Assis Brasil também serão grafitados. No segundo semestre, os painéis serão exibidos em uma exposição itinerante nas universidades de Porto Alegre, integrando a 1ª Bienal da UEE.

A ação do governo municipal faz parte da campanha que visa promover a cultura urbana e integrar os jovens ao espaço público.“Este evento não é isolado, pelo contrário, constitui um conjunto de ações promovidas pela prefeitura para que as intervenções urbanas positivas sejam tratadas como arte”, afirmou o secretário da Juventude, Luizinho Martins, lembrando que o Meeting of Styles, em 2014, o graffiti no muro do Pão dos Pobres, em 2013, e outras dezenas de ações “servem para fortalecer e valorizar os artistas e colorir a cidade”.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...